Entrevista com Rita Benavidez

Rita Benavidez, americana, treina Crossfit e levantamento de peso olímpico na Califórnia, também é instrutora na Hercules Crossfit. Ela tem 24 anos, mede 1,65 cm, e pesa 59 quilos. Iniciou Crossfit em 2008, em 2010 começou a competir, em 2012 competiu nos regionais do CrossFit Games, onde pegou gosto por levantamento de peso olímpico. É atleta patrocinada por algumas marcas americanas, participou do clip “Beauty in Strength” produzido pela CrossFit Media onde mostram que beleza e força combinam, junto com Rita também participaram outras atletas, entre as mais famosas Andrea Ager, este vídeo está disponível no canal do CrossFit do YouTube. Rita ficou muito empolgada com a entrevista, confira abaixo:

1. Como você conheceu o CrossFit? E há quanto tempo treina? Rita
Em 2008 um amigo me convenceu a experimentar CrossFit, mesmo intimidada no inicio eu realmente queria experimentar algo novo. Eu estou treinado desde então.

2. Além do CrossFit você pratica algum outro esporte?
Além de CrossFit eu compito no levantamento de peso olímpico. Eu não sei dizer qual eu amo mais. Eu acho que é como baunilha e chocolate, às vezes estou mais para um, às vezes afim de outro.

3. Conte-nos como e quando foi seu melhor desempenho no CrossFit Games?
O ano de 2012 foi meu melhor ano competitivo no CrossFit. Eu competi nos regionais da NORCAL (norte da Califórnia) e fui muito bem.

4. O que você esta achando do Open 2014?
O Open 2014 foi renovador e emocionante. Adoro ver novos e diferentes exercícios e o 14.2 foi um novo desafio.

5. Como você vê a evolução do Crossfit no EUA e no mundo?
O CrossFit já está tão grande que eu acredito que está unindo pessoas do mundo todo. Por exemplo, estou aqui na Califórnia alcançando pessoas no Brasil. Como um esporte só irá crescer ainda mais, e dentro deste esporte vai continuar a mudar. O CrossFit Games de 2008 foi muito mais leve e diferente do que o CrossFit Games de 2013, que foi muito mais pesado. Eu não tenho nenhuma ideia do que esperar para 2014 e adiante.

6. Você já participou de alguma outra competição além do CF Games? Quais?
Eu geralmente participo de competições locais, como “Vindication in the Valley”, “Battle of the Sexes”, e “Moxie Madness”. Eu já competi no  “American Open for Olympic Lifting” e qualifiquei para tanto os nacionais, como o “American Open 2014”. Meu objetivo é começar a competir fora da minha região e, eventualmente, fora do meu país.

7. Quem é sua aposta para o 1º lugar no CrossFit Games este ano? Masculino e Feminino
Eu quero fazer uma aposta segura, acho que vai ser por pouco para Rich Froning novamente, e Sam Briggs para sua segunda vitória.

8. Como você se sentiu quando descobriu que sua foto foi a inspiração do logo da Revista Crossfitter?
Eu fiquei tão animada e feliz, realmente é uma grande honra para mim.

9. Você se lembra deste momento da foto? Pode nos contar um pouco sobre este momento?
Na foto eu estava fazendo um split snatch com 70 libras (32 kg) nos Regionais de 2012. Fiquei impressionada com o quão pesado o dumbbell era, mas eu estava determinada a seguir em frente. Posso dizer que me senti muito pequena.

10. No seu blog você escreve receitas paleo, você segue esta dieta? Como funciona a sua alimentação?
Eu já fiz a dieta Paleo no passado, mas agora eu estou seguindo uma dieta com muita proteína e gorduras e com pouco carboidrato. É praticamente uma Paleo sem restrições. Se eu quiser comer um cookie, eu como.

11. Como é sua suplementação?
Eu uso produtos da marca Evogen tanto para pré-treino como para recuperação. Eu adoro a marca EVP para os dias de treino pesado de levantamento de peso e adoro Glycoject para fazer treinos aeróbicos “met cons”, ele me faz sentir como se eu pudesse continuar por mais tempo.

12. Qual é o benchmark que você mais gosta?
Meu benchmark favorito é a Fran, é difícil, mas muito mensurável. Você saberá imediatamente se você fez melhor, ou pior.

13. Qual menos gosta?
Eu odeio fazer Cindy, principalmente porque é um wod repetitivo e longo, são cinco rounds em que eu sempre me pego entediada e desejando fazer outra coisa.

14. Qual é o seu movimento favorito?
Eu adoro muscle ups e snatches. Ambos são desafiadores e muito gratificantes.

15. Qual é o que menos gosta?
Eu absolutamente odeio remar, é difícil para meu corpo, mas ainda mais difícil para minha mente. Eu não acho muito estimulante e, assim como a Cindy, eu fico entediada. Eu sou apenas um bebê grande haha. Eu prefiro correr!

16. Qual é o seu equipamento favorito?
Eu amo minhas sapatilhas “Do-win” para levantamento de peso olímpico da Rogue, meus Nanos da Reebok, e todas as minhas roupas de treino da Nike e Lululemon.

17. Você já teve alguma lesão séria praticando CrossFit?
Não, por incrível que pareça a maioria das minhas lesões vem de dormir ou de apenas andar por ai. Irônico.

18. Como está a sua preparação para a temporada do Games 2014?
Para a temporada do Games de 2014 estou aumentando o volume do meu treinamento. Eu treino levantamento de peso olímpico cinco vezes por semana e faço “metcons” de quatro a cinco vezes por semana, muitas vezes fazendo de um a quatro wods por dia.

19. 2012 foi seu melhor ano no Games, o que houve em 2013?
2013 foi um ano muito difícil para mim emocionalmente. Um pouco antes do Open começar uma grande amiga minha, que eu vi crescer, faleceu em um terrível acidente de carro, ela tinha apenas 13 anos de idade e era uma pessoa tão linda. Isso me deixou muito abalada, logo em seguida meu pai teve um pequeno derrame. Depois que consegui superar tudo isso a minha vida mudou para sempre no dia 17 de marco de 2013, quando um querido amigo, e uma das melhores pessoas que eu já conheci também faleceu em um acidente de quadriciculo. Uma perda que até hoje ainda me causa uma grande dor.

20. Você já veio ao Brasil? Gostaria de vir?
Eu nunca fui ao Brasil, mas sonho com isso desde jovem. Muitos dos meus alunos são brasileiros e eles me falam sobre o país o tempo todo. Uma aluna em especial é praticamente como uma irmã para mim e ela está me ensinando português. Eu me comprometo há ir um dia!

21. Você tem mais de 17K seguidores no Instagram, e vi que você consegue dar atenção a todos em todos seus posts. Inclusive a brasileiros. Como você consegue achar tempo para esse feedback? Você gosta de ensinar e dar dicas?
Eu sempre acho tempo para as pessoas, porque todos nós estamos nessa jornada juntos. Eu adoro ajudar e ensinar os outros, porque isto ajuda a todos nós, sem falar que somos todos parte da mesma comunidade, com objetivos e sonhos semelhantes.

22. Você também é modelo certo? Como esta a sua carreira? É difícil conciliar a vida de atleta e modelo?
Ocasionalmente eu trabalho como modelo e gostaria de trabalhar mais. Felizmente este trabalho não afeta os meus treinos, pelo contrario, eu consigo exibir todo o trabalho duro que eu faço!

23. Que concelhos você daria para um atleta que deseja competir?
Meu conselho para quem quer competir é treinar com volume, mas não se esqueça de descansar o suficiente. Lesões nunca valem a pena, conheça seus limites e respeite a si mesmo. Eu treino cinco dias por semana e separo dois dias para descansar, recuperar e comer muito.

24. Que conselhos você daria a uma pessoa que iniciou CrossFit há pouco tempo?
Se você está apenas começando, seja paciente. Leva um tempo para aprender técnicas corretas. Em seguida, se concentre em força e velocidade. Em vez de se sobrecarregar no início, escolha duas coisas que você queira aperfeiçoar. Estipule um prazo, em seguida, passe para as próximas duas de coisas. “Roma não foi construída em um dia!”

Deixe uma resposta